Iubenda logo
Crie Agora

Documentação

Tabela de conteúdos

O que são rastreadores?

Você já procurou algo para comprar on-line e, em seguida, anúncios para o mesmo produto começaram a aparecer em todos os lugares? Bem, isso acontece por causa dos rastreadores.

Mas o que exatamente são os rastreadores? Existem diferenças entre rastreadores e rastreadores de anúncio? Como o uso de rastreadores pode afetar o seu negócio online?

Neste breve post, responderemos todas as suas dúvidas! Ir para →

o que são rastreadores

O que são rastreadores?

Rastreadores são scripts que os sites instalam no seu dispositivo.

Eles podem ter diversas finalidades. Alguns deles destinam-se a proporcionar uma experiência aprimorada do site que você está visitando. Por exemplo, os rastreadores podem lembrar o seu nome de usuário e senha ou os itens que você adicionou ao seu carrinho durante as compras online.

Outros podem rastrear o seu comportamento on-line para fornecer conselhos direcionados, como os anúncios que mencionamos anteriormente.

Cookies e rastreadores: existem diferenças?

Na verdade não. Os cookies são um tipo de rastreador.

Mais especificamente, cookies são pequenos arquivos de dados geralmente armazenados no computador/navegador de um usuário. Sempre que você volta a um site que já visitou, os cookies lembram as suas preferências (assim como a sua senha).

Os cookies são divididos geralmente em cookies primários e cookies de terceiros.
Os cookies primários são aqueles administrados diretamente pelo proprietário do site/aplicativo. Pelo contrário, os cookies de terceiros são administrados por terceiros e habilitam os seus serviços. Normalmente, os cookies de terceiros estão presentes quando um site/aplicativo usa serviços de terceiros para incorporar imagens, plug-ins de mídia social ou publicidade.

E quanto às ‘tecnologias semelhantes’?

Juntamente com os cookies, você já deve ter ouvido a expressão “tecnologias semelhantes”.

Embora os cookies sejam os rastreadores mais populares, eles não são os únicos. A Mozilla listou alguns dos mais comuns:

  • Scripts incorporados: esses rastreadores são incorporados como elementos visíveis ou invisíveis numa página da web, como tags de pixel. Pixel tags são pequenos trechos de código que coletam informações sobre a sua atividade de navegação.
  • Impressões digitais: estas são uma das mais complexas. As impressões digitais podem registrar o seu comportamento online, as configurações e configurações do seu dispositivo: qual navegador você usa, qual é o seu sistema operacional ou a resolução da tela. Dessa forma, eles podem criar o seu perfil exclusivo, assim como a sua impressão digital.

Então, se você está administrando uma empresa online – seja um simples site, um aplicativo ou e-commerce – você provavelmente está usando rastreadores.

É por isso que é útil saber mais sobre como os rastreadores funcionam e como as leis internacionais de privacidade regulam o seu uso específico.

Por exemplo, a União Européia emitiu a Diretiva de Privacidade Eletrônica – também conhecida como Lei dos Cookies – que estabelece disposições para a proteção da privacidade eletrônica de usuários baseados na UE. Embora a Lei dos Cookies tenha sido aplicada pela primeira vez em 2002, ela ainda se aplica hoje, complementando o GDPR.

Existem diferenças entre rastreadores e rastreadores de anúncio?

Como explicamos no parágrafo acima, nem todos os rastreadores são rastreadores de publicidade.

Vamos pegar os cookies, por exemplo.
Embora existam cookies essenciais para o funcionamento de um site (os chamados “cookies técnicos”), também existem outros – geralmente de terceiros – que são instalados por redes de anúncios. Eles são responsáveis pelos anúncios personalizados que você vê ao navegar na Internet.

Como proprietário de um site, você pode monetizar o tráfego do seu site por meio de publicidade digital. Isso é 100% legal, mas você deve estar ciente de que existem diretrizes a serem seguidas.

Para garantir que a publicidade digital seja realizada sob o GDPR, o IAB Europe criou o Transparency and Consent Framework:

O TCF cria um ambiente em que os editores de sites podem informar aos visitantes quais dados estão sendo coletados e como o seu site e as empresas parceiras pretendem usá-lo. O TCF oferece aos setores de editores e anúncios uma linguagem comum para comunicar o consentimento do consumidor para a entrega de publicidade e conteúdo online relevantes.

Você pode saber mais sobre o TCF aqui.

Sim, existem.

Vamos pegar a Lei dos Cookies da UE, por exemplo.

A Lei dos Cookies exige que todo proprietário de site ou aplicativo que use rastreadores faça pelo menos três coisas:

  1. informar aos usuários que o site usa cookies por meio de um banner de cookies;
  2. divulgar todos os detalhes relevantes sobre o uso e a finalidade dos cookies em uma política de cookies;
  3. bloquear a execução de cookies se os usuários não concederem o seu consentimento informado.

💡Saiba mais sobre as regras de consentimento de cookies da UE com o nosso Resumo do consentimento de cookies

Como a iubenda pode ajudar

A Cookie Solution iubenda pode ajudá-lo a gerenciar todos os aspectos do uso de rastreadores: permite que você crie uma política de cookies, personalize totalmente a aparência do seu banner de cookies e bloqueie o consentimento prévio de cookies – conforme exigido por lei.

Experimente, é totalmente seguro!